Domingo, 29 de Maio de 2022
(99) 98535-1531
Codó Codó

Morre aos 86 anos o umbandista mestre Bita do Barão

Bita do Barão veio a óbito no hospital São Paulo, em Teresina, capital do Piauí, onde ele estava internado desde o dia 14 de abril em estado grave.

18/04/2019 19h53 Atualizada há 3 anos
Por: Redação

Da redação / via blog do Acélio

Faleceu por volta das 13h30 desta quinta-feira (18) o umbandista Wilson Nonato de Sousa, conhecido mundialmente como Bita do Barão de Guaré.

Bita do Barão veio a óbito no hospital São Paulo, em Teresina, capital do Piauí, onde ele estava internado desde o dia 14 de abril em estado grave.

O umbandista, segundo a própria filha, já estava com seu único rim parado. Respirava nas últimas horas apenas com a ajuda de aparelhos, mas a família ainda tinha esperança de trazê-lo com vida para Codó.

De acordo com o livro Encantaria de Barba Soeira, da Antropóloga maranhense Mundicarmo Ferretti, Wilson Nonato de Sousa, o bita do Barão, nasceu em 10 de julho de 1932, na zona rural de Codó, e, neste contexto, morreu aos 86 anos de idade, muito embora sua idade seja alvo de um dos grandes mistérios que envolvia uma das figuras mais carismáticas que Codó já produziu.

O corpo deve de Bita do Barão será velado, possivelmente, na própria Tenda Espírita de Umbanda Rainha Iemanjá, na rua Ruy Barbosa, bairro Santa Filomena.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.