Saúde

Jovens vieram a óbito após tomarem CoronaVac? Saiba a verdade

Jovens vieram a óbito após tomarem CoronaVac? Saiba a verdade

Uma pessoa alegou em vídeo que “filhos de uma amiga” haviam falecido após o teste com a vacina chinesa pelo Instituto Butantan.


24/09/20 01:14 - Atualizado em 25/09/20 16:03

Tem repercutido nas mídias sociais um vídeo um vídeo no qual uma pessoa portuguesa diz que três jovens vieram a óbito após tomarem a CoronaVac – vacina fabricada na China e testada em diversas pessoas, inclusive por voluntários do instituto Butantan. Os jovens em questão seriam três irmãos com idades de 13, 16 e 18 anos, e a pessoa alega que são “filhos de uma amiga”.

No entanto, essa informação é falsa. O Instituto Butantan se pronunciou a respeito do assunto e afirmou que além de não condizer com a verdade o caso dos óbitos, menores de idade também não podem ser voluntários durante o teste da vacina.

Além disso, de acordo com o Butantan, todos os voluntários são profissionais da saúde, maiores de idade e até 59 anos, e nenhum dos deles teve reações contra a vacina.

Assim como a CoronaVac chinesa, outras vacinas têm sido alvo de ataques e fake news, principalmente nas redes sociais. As notícias falsas vão desde implantes de chips através da vacina, ao uso de células de fetos abortados para fabricá-la, porém são inverdades.



Comentário

PUBLICIDADE


Mais lidas








PUBLICIDADE

Enquete

Você é a favor ou contra o isolamento social para combater o novo coronavírus?

2016 © Todos os Direitos Reservados