Coroatá

Suspeito em participação de latrocínio é entregue pela família em Coroatá

Suspeito em participação de latrocínio é entregue pela família em Coroatá

Juninho, como é conhecido, foi levado para a delegacia pelo próprio pai, o vice prefeito de Coroatá Domingos Alberto.


14/06/19 14:38 - Atualizado em 14/06/19 14:42

Um dos suspeitos de participação no latrocínio registrado ontem, quinta-feira (13) no povoado Macaúba, zona rural de Coroatá, foi entregue nesta sexta-feira (14) na delegacia local. Domingos Alberto Alves de Sousa Junior, de 18 anos, foi levado pelo próprio pai, o vice prefeito de Coroatá Domingos Alberto.

Após tomar conhecimento do envolvimento de Juninho, como é conhecido o suspeito, a família não pensou duas vezes em entrega-lo à polícia.

Nas redes sociais o irmão de Juninho, o Secretário Municipal de Obras e Infraestrutura, Jorge Adriano, comentou o fato por meio de um áudio compartilhado em grupos na internet [ouça no final].

“De fato teve esse acontecido. Eu e meu pai e toda a família não aceitamos. Se for comprovado ele vai pagar pelo ato dele. É uma coisa que a gente não queria que tivesse acontecido, por falta de concelhos não foi, sempre teve do bom e do melhor em casa. É triste, lamentável, mas foi verdade. Nós estamos em choque, imagina a família enlutada”, disse Jorge Adriano.

A polícia já identificou o outro suspeito de envolvimento no latrocino que continua foragido, mas pretende prendê-lo o mais rápido possível.

Confira o áudio do Secretário Jorge Adriano:



Comentário

PUBLICIDADE


Mais lidas








PUBLICIDADE

Enquete

Você é a favor ou contra a reforma da previdência?

2016 © Todos os Direitos Reservados