Coroatá

Vereador é acusado de racismo contra colega na Câmara de Coroatá

Vereador é acusado de racismo contra colega na Câmara de Coroatá

No uso da palavra, vereador disse: “Deixa pra dá moral na sua casa com as suas pretas, com suas filhas, entendeu?”.


02/10/20 14:14 - Atualizado em 02/10/20 14:15

O vereador Zé Branco (PRB), no uso da palavra em sessão ordinária na Câmara Municipal realizada nesta quinta-feira (01) se dirigiu ao vereador professor Celso Soares (PDT) expressando a seguinte frase: “Deixa pra dá moral na sua casa com as suas pretas, com suas filhas, entendeu? Com a sua família."

A atitude do vereador causou repúdio não apenas dos colegas parlamentares e ganhou repercussão nas redes sociais.

“A prática do racismo constitui crime inafiançável e imprescritível, sujeito à pena de reclusão, nos termos da lei”. A Constituição Federal de 1988 determina, no Art. 3, inciso XLI, que "Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil: promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação”; e no Art. 5º, inciso XLI, que “a lei punirá qualquer discriminação atentatória dos direitos e liberdades fundamentais".





Comentário

PUBLICIDADE


Mais lidas








PUBLICIDADE

Enquete

Você é a favor ou contra o isolamento social para combater o novo coronavírus?

2016 © Todos os Direitos Reservados